Carnaval – 10 dicas para uma folia mais sustentável

Carnaval é, tradicionalmente, uma época de excessos. Excesso de consumo de álcool, de comida (aproveitando o feriado prolongado), de gastos, de barulho e por aí vai…

Mas os tempos mudaram, e você pode cair na folia tomando atitudes mais conscientes do que no passado. Lembre-se de que menos é mais!

O Muda Tudo fez uma listinha de 10 dicas (muito simples!) para um Carnaval mais sustentável:

 

  • 1) Cuidado com o lixo que você produz – quanto pensamos em Carnaval já imaginamos aquele monte de lixo nas ruas. Então leve um saquinho para guardar seu lixo até encontrar um lugar correto para o descarte. E nunca pense: “que diferença vai fazer uma latinha no meio deste mundo de lixo?” Muita! Faça sua parte!
  • 2) Troque a sua fantasia com amigos – fantasia é a típica roupa que a gente compra, usa uma vez e guarda para sempre naquele saco que fica só entulhando o armário. Que tal reunir alguns amigos e fazer um escambo de fantasias? Um programa bem divertido e sustentável! Supondo que a troca não dê certo, pense em reciclar sua fantasia antiga. Isso exercita a criatividade e contribui para a preservação do meio ambiente. Com esta atitude, você evita que mais uma peça de roupa seja produzida usando uma enorme quantidade de água e energia.
  • 3) Você é daquelas pessoas que adora um brilho? Maravilha! Mas então brilhe no Carnaval com uma atitude sustentável! Procure usar glitter biodegradável. Existem muitas marcas que fazem purpurinas ecologicamente corretas, contrárias àquelas que são feitas com micropartículas de plástico que contaminam o meio ambiente e terminam intoxicando a vida marinha.
  • 4) Confete e serpentina são lindos e super alegres. Mas os coloridos adereços deixam um rastro de sujeira imenso, que contribui fortemente para o entupimento de bueiros e alagamentos na cidade. Se você não abre mão desses elementos carnavalescos que lembram os Carnavais de antigamente, use-os em casa, onde você mesmo pode limpar depois. Ah, e se for fazer isso, que tal produzir seu próprio confete, com jornais e revistas velhos?
  • 5) Cuidado com o tempo excessivo no banho. A gente sabe que em fevereiro faz um calor danado no Brasil e com o Carnaval a situação piora. Mas banho longo não é sinônimo de limpeza, e sim de desperdício de água. Lembre-se: um banho de cinco minutos consome em média 40 litros de água.
  • 6) Se você vai viajar, lembre-se de tirar aparelhos elétricos da tomada. Isso reduz o risco de curtos e, principalmente, o consumo de energia, pois mesmo em modo de espera (standby) os aparelhos consomem energia.
  • 7) Se beber, não dirija. Se dirigir, dirija com cuidado. E se puder escolher, tente viajar em um horário de menos trânsito, para ajudar aqueles que só podem viajar na hora do rush. Um carro a menos é muita coisa!
  • 8) E lembre-se que o motor do carro e pneus regulados reduzem em até 5% o consumo de combustível e a emissão de gases de efeito estufa.
  • 9) Seja um turista consciente. Tome cuidado com o meio ambiente e valorize a cultura local. Pessoas de distintos lugares têm costumes diversos que devem ser respeitados.
  • 10) Seja solidário com seus vizinhos. Se você não vai viajar, ofereça ajuda para regar as plantas, cuidar do pet ou simplesmente para estar de olho na casa do vizinho, no caso de uma chuva muito forte cair durante a folia. Solidariedade começa onde você mora e com quem você convive!

 

Veja Também!

Marcas brasileiras produzem glitter biodegradável para o carnaval