Menino de 8 anos inaugura cinema para crianças no Acre

Fã de carteirinha de filmes e animações, Rafael Kaweh, de apenas 8 anos, abordou o pai com um pedido inusitado: o pequeno disse que precisava de ajuda para montar um espaço onde crianças carentes de Rio Branco, no Acre, pudessem assistir a filmes gratuitamente. Foi daí que surgiu o projetoCine Oportunidades“, que exibe quinzenalmente longas metragens no espaço do bairro Cidade do Povo.

De acordo com o pai de Rafael, originalmente o filho sugeriu comprar um cinema para dar entradas gratuitas a todos – o que logo entendeu ser financeiramente inviável. Mesmo assim, a ideia não foi abandonada pelo menino e a meta de trazer a magia do cinema para crianças carentes acabou encontrando outro caminho para se viabilizar. Na sequência veio a ideia de fazer como na escola de Rafael, onde os professores exibem vídeos e as imagens são projetadas num tecido branco.

Almeida conversa com as crianças após uma sessão de cinema. Foto divulgação.

Utilizando doações por meio de um trabalho social comunitário chamado “Oportunidade”, os pais de Rafael adquiriram um banner, um projetor de imagens e uma caixa de som. Pronto! Estava montado o cinema para crianças, desejo tão perseguido pelo filho. E, além de curtir a sessão, aquelas crianças que nunca foram ao cinema passam a concorrer a dois ingressos, que são sorteados ao fim de cada exibição.

Os pais de Rafael ainda aproveitam a oportunidade das sessões de cinema para conversar com as crianças após cada exibição. Eles não perdem a chance de debater a mensagem de cada filme que acabaram de ver, que são escolhidos a dedo por eles.

O cinema de Rafael é uma boa amostra de que engajamento social não tem idade. E também a prova de que os pais, quando interessados, podem ajudar os filhos em seus sonhos ao invés de frustrá-los com a dura realidade.